04 março 2010

AULA 2 - LEITURA E PRODUÇÃO DE SENTIDO

A interação autor-texto-leitor
Leitura é atividade de produção de sentido. O leitor faz um trabalho ativo de compreensão e interpretação a partir de seus objetivos, de seu conhecimento sobre o autor, de tudo o que sabe sobre a linguagem etc. (PCN LP)

Análise das condições de recepção (leitura) do texto/vídeo Campanha Carnaval 2010. Recriamos a instância de enunciação desse texto e analisamos o perfil dos sujeitos receptores: múltiplas leituras.

Estratégias de leitura
Para construir sentido, o leitor se vale de estratégias: seleção, antecipação, inferência e verificação. Para dar sentido ao que lê, o leitor precisa processar, criticar, contradizer ou avaliar a informação que tem diante de si.


Texto para leitura (em partes, discutindo as estratégias): O retorno do Patinho Feio
Autor: Marcelo Coelho
Meio de veiculação do texto: Folha de S.Paulo
Gênero textual: miniconto
Título: orienta para a produção de sentido.

1. Alfonso era o mais belo cisne do lago Príncipe de Astúrias. Todos os dias, ele contemplava sua imagem refletida nas águas daquele chiquérrimo e exclusivo condomínio para aves milionárias. Mas Alfonso não se esquecia de sua origem humilde.

- Pensar que, não faz muito tempo, eu era conhecido como o Patinho Feio...
Um dia, ele sentiu saudades da mãe, dos irmãos e dos amiguinhos da escola.
2. Voou até a lagoa do Quaquenhá. O pequeno e barrento local de sua infância.

A pata Quitéria conversava com as amigas chocando sua quadragésima ninhada. Alfonso abriu suas largas asas brancas.
- Mamãe! Mamãe! Você se lembra de mim?
3. Quitéria levantou-se muito espantada.

- Se-se-senhor cisne... quanta honra... mas creio que o senhor se confunde...
- Mamãe...?
- Como poderia eu ser mãe de tão nobre e belo animal?
Não adiantou explicar. Dona Quitéria balançava a cabeça.
- Esse cisne é mesmo lindo... mas doido de pedra, coitado...
4. Alfonso foi então procurar a Bianca. Uma patinha linda do pré-primário. Que vivia chamando Alfonso de feio.

- Lembra de mim, Bianca? Gostaria de namorar comigo agora? He, he, he.
5. - Deus me livre! Está louco? Uma pata namorando um cisne! Aberração da natureza...

6. Alfonso respirou fundo. Nada mais fazia sentido por ali. Resolveu procurar um famoso bruxo da região.

7. Com alguns passes mágicos, o feiticeiro e astrólogo Omar Rhekko resolveu o problema. Em poucos dias, Alfonso transformou-se num pato adulto. Gorducho e bastante sem graça. Dona Quitéria capricha fazendo lasanhas para ele.

- Cuidado para não engordar demais, filhinho.
Bianca faz um cafuné na cabeça de Alfonso.
- Gordo... pescoçudo... bicudo... Mas sabe que eu acho você uma gracinha?
Viveram felizes para sempre.
 
Aqueles que quiserem poderão se aventurar em uma análise sociológica do texto... Que tal escrever e postar no blog?

7 comentários:

  1. Legal, me ajudou bastante.

    ResponderExcluir
  2. Não me esclareceu mt preciso de mais informação, está mt resumido.

    ResponderExcluir
  3. Você podeira me explicar nesse contexto de produção de sentido, qual e a interação do autor com o texto ?
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  4. GOSTARIA DE ENTEDER MELHOR, POIS NÃO ENTENDI MUITO BEM O TEXTO SOBRE O PATINHO FEIO.QUERIA MUITO QUE ESCLARECESSE MELHOR SOBRE ESSE ASSUNTO.

    ResponderExcluir
  5. Resumindo a história: um cisne sempre será um patinho feio.

    ResponderExcluir
  6. depois de muitas mágicas aceitarom o patinho!!!

    ResponderExcluir